sexta-feira, 5 de outubro de 2012

REMINISCÊNCIAS


Através da janela
de vidro transparente
vejo passar por mim
As campinas verdejantes.

Observando a paisagem
Vejo árvores em flor
E começo a relembrar
O início do nosso amor.

Tempos idos, belos dias
Em que a paixão era mais forte
Nosso amor teve início
Pra mudar a nossa sorte.

Mas como uma tempestade
Que arrasa desde o norte
Nosso amor teve um fim
Inevitável como a morte.

Hoje vivo tão tristonha
Não sei mais o que é viver
Porque tudo o que desejo
É um dia te rever.

13.04.1993

Nenhum comentário:

Postar um comentário