domingo, 6 de maio de 2012

Ainda há tempo!

Se você está passando por dificuldades, sejam elas pessoais, financeiras, de saúde ou mesmo espirituais,
Se você pensa que o mundo todo virou-lhe as costas,
Se você já tentou de todas as formas se fazer ser amada,
Se você já saiu de casa pensando em não voltar mais,
Se você se sente frustrado por não ter conseguido realizar seus sonhos,
Se você se sente sozinho, sem ninguém no mundo,
Se você se sente perdido em meio a tantos problemas,
Não se desespere!
Ainda existe solução!
Ainda há tempo para reverter esta situação!
Enquanto há vida, há esperança!

Lembre-se, a Palavra de Deus diz em Filipenses 4:13: Posso todas as coisas nAquele que me fortalece (JESUS).

quinta-feira, 3 de maio de 2012

O TEU DEUS... ELE TE LIVRARÁ


O TEU DEUS... ELE TE LIVRARÁ
Daniel 6
Propósito Geral: Devocional.
Tema Específico: Os efeitos da fidelidade.
Idéia Central do Sermão:
O CRENTE FIEL DESPERTA NAS PESSOAS AO SEU REDOR
UMA GENUÍNA ESPERANÇA EM DEUS.
rei Dario esperava salvar seu amigo (vs 14), mas, não conseguiu. Foi a fidelidade de Daniel que despertou em seu coração uma genuína esperança em Deus (vs 16), quando todas as suas esperanças se revelaram falsas esperanças:

1) ERA FALSA A SUA ESPERANÇA EM SEU PODER PESSOAL
    Ele era o homem mais poderoso do mundo em sua época, no entanto, nem mesmo seu imenso poder foi capaz de salvar seu amigo.

    Querer é poder?


2) ERA FALSA A SUA ESPERANÇA NO PODER DO TEMPO
    O rei tentou ganhar tempo, mas o tempo não foi capaz de salvar seu amigo.

    Tudo se resolve com o tempo?   

3) ERA FALSA A SUA ESPERANÇA NO PODER DO SISTEMA
    Ele tentou "mexer os pauzinhos", tentou usar o sistema que ele mesmo havia criado e sustentava, mas nem o sistema ou as "brechas do sistema" puderam salvar seu amigo.

    Podemos confiar cegamente em nossos sistemas (financeiro, social, filosófico, pessoal, etc.)?

Após todas estas decepções, o rei diz para o seu amigo: "Daniel, meu amigo, eu não posso te salvar, mas tenho certeza que o teu Deus te livrará" 

CONCLUSÃO

Quando morrem as falsas esperanças, as pessoas que vivem ao redor dos crentes fiéis aprendem a colocar a sua esperança em Deus.



Autoria: Pr Ronaldo Alves Franco

Inspirado num sermão do Pr Pascoal Piragine Jr, que foi ao ar em março de 2006 na BBN.

UM GIGANTE POR DIA

UM GIGANTE POR DIA
I Samuel capítulo 17
Propósito Geral: Consolador.

Tema Específico: Capacitação espiritual.
Afirmação Teológica: Uma das maiores verdades deste texto bíblico é a seguinte:
O SENHOR NOSSO DEUS NOS CAPACITA PARA
VENCERMOS OS "GIGANTES" QUE A CADA
DIA APARECEM EM NOSSA CAMINHADA.
 
- Vejamos as CAPACIDADES que Deus deu a Davi naquele dia:.
1.   CAPACIDADE DE FICAR INDIGNADO – vs 26.Deus nos capacita a ficarmos indignados da forma correta:
a) Uma indignação não-egoísta: Davi não tomou aquelas afrontas de Golias como se fossem contra si mesmo, mas contra seu povo.
b) Uma indignação não-conformista: Ele não ficou sentado exigindo que alguém fizesse alguma coisa, ao contrário, ofereceu-se voluntariamente para enfrentar o gigante.
c) Uma indignação não-interesseira: Ele não estava preocupado consigo mesmo, nem com sua segurança, nem com seu conforto pessoal, nem com as generosas recompensas oferecidas pelo rei para quem vencesse Golias (vs 25).
c) Uma indignação não-vulgar: Ele não podia aceitar que Golias afrontasse o Deus de Israel. Havia um belíssimo elemento de zelo santo em sua indignação.
2.   CAPACIDADE DE RESISTIR ÀS CRÍTICAS - vs 28-30.As críticas que sofreu foram duras e severas, pois vieram do seu irmão mais velho, que o classificou como presunçoso, maldoso e bisbilhoteiro, mas Davi não se abalou com elas.
3.   CAPACIDADE DE AGIR COM CORAGEM – vs 31-37. Coragem sim; suicídio, não! Davi era corajoso, mas não era suicida.
Sua coragem não estava baseada em discursos bem elaborados, nem em especulações pseudo-teológicas ou doutrinas positivistas.

Não! Sua coragem estava baseada em suas anteriores experiências pessoais com o Deus vivo, que o livrara das garras do leão e do urso e certamente o livraria das mãos do filisteu - vs 34-37.
4.   CAPACIDADE DE AGIR COM SIMPLICIDADE – vs 38-40. Nada de coisas espetaculares. Nada de espada, armadura ou capacete de bronze.
Nada de amuletos, sinais divinos, profecias ou milagres.
Tão somente uma funda, 5 pedrinhas lisas e sua fé em Deus.
5.   CAPACIDADE DE IR ATÉ O FIM – vs 48-51. Davi foi correndo ao encontro do gigante e o acertou na cabeça. Quando Golias caiu já estava morto, mas, mesmo assim, ele fez questão de sedimentar a vitória do seu povo: cortou a cabeça do gigante e a levantou, para horror dos seus inimigos, que fugiram correndo e foram destruídos na derrocada.

CONCLUSÃO
O Senhor nosso Deus nos faz vencer, dando-nos:
- Capacidade de ficar indignado da forma correta.
- Capacidade de resistir às críticas.
- Capacidade de agir com coragem.
- Capacidade de agir com simplicidade.
- Capacidade de ir até o fim.

Aleluia. Deus seja louvado!
 
Autor: Pr Franco


18.01.2007

DEUS ENTRA COM PROVIDÊNCIA


DEUS ENTRA COM PROVIDÊNCIA
II Reis 6.1-7
Propósito Geral: Consagratório.

Tema Específico: Crescimento Espiritual

Idéia Central do Sermão:
QUANDO BUSCAMOS CRESCIMENTO ESPIRITUAL,
DEUS ENTRA COM PROVIDÊNCIAS.

Com quais PROVIDÊNCIAS Deus entrou nesta história?

1. QUANDO BUSCAMOS CRESCIMENTO ESPIRITUAL, ELE NOS FAZ VER QUE É PRECISO EXPANDIR - vs. 1.

     O cristão e a igreja que estão buscando crescimento espiritual sentem que não devem nem podem se acomodar, pois o nosso espaço sempre será pequeno.
     A Bíblia nos ensina em Isaías 54.2-3: "Amplia o lugar da tua tenda, e estendam-se as cortinas das tuas habitações; não o impeças; alonga as tuas cordas, e fixa bem as tuas estacas. Porque transbordarás para a direita e para a esquerda".

2. QUANDO BUSCAMOS CRESCIMENTO ESPIRITUAL, ELE DÁ A DIREÇÃO - v. 2.

     Alguns cristãos pensam que hoje em dia Deus não mais dá a direção particular às igrejas ou aos cristãos; que Ele não mais nos diz o que deve ser feito.
     Quantos não estão enganados achando que devem trilhar caminhos próprios sem depender exclusivamente de Deus. Tornam-se auto-suficientes profissionais e acabam se esquecendo o que a Bíblia diz em João 3.27 e Tiago 1.17 (por exemplo).

3. QUANDO BUSCAMOS CRESCIMENTO, ELE PREPARA UM INSTRUTOR - vs. 3.

     Moisés instruiu Josué; Elias instruiu Eliseu; Paulo instruiu Timóteo; Jesus instruiu os discípulos.

4. QUANDO BUSCAMOS CRESCIMENTO ESPIRITUAL, ELE NOS LEVA À DIMENSÃO DOS MILAGRES - v. 6.

    Para o aprendiz de profeta que derrubou o ferro do machado na água, ali era o fim de seu ministério profético, entretanto, para Deus ali começava uma vida de milagre. O ponto final do homem é o ponto de partida de Deus.

CONCLUSÃO:
Se buscarmos crescimento espiritual, Deus mostrará que é preciso expandir (pois o espaço pequeno); Ele nos dará a direção do que deve ser feito e, se isso não bastasse, Ele nos preparará um instrutor e nos levará a uma vida onde milagres acontecem.


Aleluia. Deus seja louvado!

Autoria: Etiêne Pacífico Teixeira

Deus responde às orações sinceras

Deus responde às orações sinceras

Deus responde às orações dos seus adoradores fiéis. Por quê? Em parte, porque eles oram somente a Deus, o Criador, chegando-se a Ele mediante Jesus Cristo. Repudiam a iniquidade e evitam orações hipócritas e repetitivas. Os cristãos verdadeiros expressam a Deus seus sinceros sentimentos usando as excelentes orientações providas na oração-modelo, em vez de a recitarem mecanicamente. Todavia há ainda outros motivos pelos quais suas orações são respondidas.

Aqueles cujas orações são respondidas satisfazem requisitos básicos. Mencionando-os, Paulo escreveu: “Aquele que se aproxima de Deus tem de crer que ele existe e que se torna o recompensador dos que seriamente o buscam.” (Hebreus 11:6) Queira notar estes dois pontos básicos: Deus responde às orações (1) dos que creem que ele existe e (2) dos que “seriamente o buscam”.

O devoto gentio Cornélio era um desses no primeiro século. Ele cria na existência de Deus e buscava-o seriamente. O que fez Cornélio ao adquirir conhecimento exato? Ora, dedicou-se de todo coração a Deus e simbolizou isso pelo batismo. Depois disso, ele aparentemente desenvolveu uma íntima relação com Deus, o que exerceria um efeito positivo em suas orações. — Atos 10:1-44.

Antes de ser batizado, as orações de Cornélio apenas ‘ascendiam como memória perante Deus’. (Atos 10:4) No entanto, Cornélio entregou-se a Javé sem reservas, dedicando-se a Deus à base de sua fé no sacrifício de resgate de Jesus e batizando-se. Isto estabeleceu uma maravilhosa intimidade entre Deus e esse homem devotado — relação que concedia a Cornélio o irrestrito privilégio da oração. (Tiago 4:8) Ele podia aproximar-se de seu Pai celestial mediante Cristo Jesus na expectativa de ser ouvido. Dá-se o mesmo com todos os que dedicam suas vidas a Deus mediante Cristo e se batizam. Estes também gozam do irrestrito privilégio da oração.

Você sem dúvida deseja que suas orações sejam respondidas. Portanto, caso não esteja servindo a Deus como um de seus adoradores dedicados, quão sábio é buscá-lo seriamente! Adote um proceder semelhante ao de Cornélio, e Deus responderá às suas orações.

A Mulher Segundo a Bíblia


A Mulher Segundo a Bíblia

Este breve estudo é para você mulher que está disposta a ter um novo conceito, um novo padrão de vida, novas oportunidades, novas realizações e novo valor pessoal.

Em Provérbios 31:10 diz: Mulher Virtuosa quem a achará?
Este texto fala de uma mulher sadia, virtuosa, responsável, valorosa. Trabalha de bom grado, tem prazer no que faz, uma mulher que luta, mulher cheia de esperança, mulher sábia.

Que Tipo de Mulher Você é?

Não resta dúvida que Deus teve um motivo especial para incluir detalhes mínimos na vida pessoal de diferentes mulheres da Bíblia. Há uma lista de mulheres na Bíblia que inclui:

Eva - Uma mulher audaciosa que expôs Satanás. Quando Deus perguntou para Adão em Gênesis 3:11: “Comeste da árvore de que te ordenei que não comesses?”. Adão expôs sua mulher dizendo: “A Mulher que tu me deste por esposa, ela me deu da árvore, e eu comi”. Mas Eva foi audaciosa ao expor satanás, no ver. 13 ela responde ao Senhor: A serpente me enganou.

Zípora – Mostrou virtuosidade quando fez o que Moisés deveria ter feito como sacerdote do lar. Êxodo 4:24 - Ora, sucedeu no caminho, numa estalagem, que o Senhor o encontrou, e quis matá-lo. 25 Então Zípora tomou uma faca de pedra, circuncidou o prepúcio de seu filho e, lançando-o aos pés de Moisés, disse: Com efeito, és para mim um esposo sanguinário.

Ana - É tudo ou nada, ela pede ao Senhor para intervir na sua aflição. Ela ora! 1Samuel 1:11.

Maria - Ela esquece de si própria. Deixou aquele caríssimo perfume de nardo cair até a última gota sobre os pés de Jesus. Mc. 14:3 - Estando ele em Betânia, reclinado à mesa em casa de Simão, o leproso, veio uma mulher que trazia um vaso de alabastro cheio de bálsamo de nardo puro, de grande preço; e, quebrando o vaso, derramou-lhe sobre a cabeça o bálsamo.

Trifena e Trifosa - As gêmeas que foram amigas de Febe, aquela grande diaconisa da Igreja. Rom. 16:12 - Saudai a Trifena e a Trifosa, que trabalham no Senhor. Saudai a amada Pérside, que muito trabalhou no Senhor.

Vamos Entender Melhor o Que É Uma Mulher Virtuosa!
Apoiadora - O marido se sente respeitado e honrado, quando ela o apóia sente-se mais disposto a enfrentar desafios. Efésios 5: 22 e 24.

Auxiliadora - Em Hebraico significa "Circundar". Ela circunda (cerca) o marido com apoio, exortação e conforto.

Coloque a disposição dele todas as boas qualidades que há dentro de você, para ajudá-lo a se tornar o homem que foi chamado a ser. Gênesis 2:18

Mulheres enfrentando com coragem as mudanças - Enfrenta mudanças drásticas com positividade e dignidade humana, e lança mão de todas as oportunidades de transformar o seu problema em possibilidade.

Administradora - É uma mulher que é capaz de ações mais distantes, é capaz de sair do âmbito imediato de uma clausura, segue a orientação do Espírito Santo e investe sabiamente. Prov. 31: 13 a 27

Intercessora - Alguém que discerne. A sua intercessão pelo marido e família lhe dá a certeza de que a mão de Deus está operando na vida deles.

A mulher que perdoa - O perdão é ato de vontade e não um sentimento. O amor não mantém um registro de erros. I Co.13:5

Faça com que a sua vontade concorde com a vontade de Deus, e procure ser orientada pelo Espírito Santo. Salmos 103: 2-4
Não há limites para o número de vezes que devemos perdoar. Mateus 18:22. Devemos examinar a nós, e não o nosso conjugue. Mateus 7:1-5 e Lucas 6:37. Perdoe aos outros e também a você mesma. Jesus nos perdoou.
Mulher de fé - A fé é ativada pela voz, e pelo crer no coração . Rom.10:10 - Eu cri, por isso, é que falei. II Co. 4:13.

Visão de fé não significa ignorar as circunstâncias, mas sim vencê-lasRm. 4:19-21.

Mulher Virtuosa no templo - A nova mulher no novo templo, é a mulher que vive intensamente. Ela não é condenada mas redimida. Ao invés de viver em tormento ela vive em paz. No lugar da confusão, ela tem a orientação divina. Sua enfermidade foi substituída pela saúde divina. Sua pobreza se transforma em prosperidade da parte de Deus.

Mulher de Oração - Temos o exemplo de Ana. Ela cansou de ser motivos de risos para Penina, sua rival. Ambas mulheres de Elcana. Em I Sam.1:9-13, diz que a 1ª coisa que Ana fez foi orar!

E quem ora está subvertendo as coisas. Quem ora está fazendo ruir as estruturas. Quem ora está usando as armas mais secretas e invencíveis à disposição do ser humano.
Quando ela ora todo o plano espiritual se direciona para ela. Diz a Palavra que Ana chora, ela se curva , ela geme, ela derrama o coração perante o Senhor. Ela faz voto ao Senhor ela se compromete. Oh Deus intervenha! E Deus intervém e atende a sua petição.
E no cap. 18:1 - Antes dela coabitar com o marido do qual ela vem a ficar grávida, diz a Bíblia que: Ela se levanta, enxuga as lágrimas e já não era tão triste o seu semblante, ela muda a cara e reveste com outra fisionomia. Pela oração e fé , pela nova atitude frente à vida , frente ao marido, frente à existência do problema é que ela vence a luta desigual. E a Palavra diz que Ana gerou um dos grandes profetas da Bíblia, o profeta Samuel. A poder na sua oração!

Mulher Virtuosa

A sua mente é a mente de Cristo. É uma mulher que procura não olhar para as circunstâncias que a cercam. A força e a dignidade são os seus vestidos, e quanto ao dia de amanhã não tem preocupações. Os sentimentos que ela sente, são os de Cristo. A sua decisão, é a decisão de Cristo. Trabalho para ela é uma coisa boa. Ela tem prazer no que faz. Ela olha com os olhos de Cristo. Suas palavras, são as palavras de Cristo. A conclusão que ela tira, é a de Cristo.

Não é complicada, atrapalhada, egoísta, complexada, traumatizada. Ela não precisa ler revista de como segurar um homem, ou de como ser feliz. Ela não precisa assistir uma novela , para ter um referencial no seu casamento, na sua vida pessoal ou profissional. Seu referencial é Jesus!    ( Valtencir Alves, em Hermenêutica Bíblica) 

O Obreiro Aprovado


O Obreiro Aprovado - Uma Admoestação Hermenêutica

*II Tm 4.1 Conjuro-te diante de Deus e de Cristo Jesus, que há de julgar os vivos e os mortos, pela sua vinda e pelo seu reino;
2 prega a palavra, insta a tempo e fora de tempo, admoesta, repreende, exorta, com toda longanimidade e ensino.
3 Porque virá tempo em que não suportarão a sã doutrina; mas, tendo grande desejo de ouvir coisas agradáveis, ajuntarão para si mestres segundo os seus próprios desejos,
4 e não só desviarão os ouvidos da verdade, mas se voltarão às fábulas.
5 Tu, porém, sê sóbrio em tudo, sofre as aflições, faze a obra de um evangelista, cumpre o teu ministério.

O Obreiro Aprovado é Chamado por Deus

*Gl 1.1 Paulo, apóstolo (não da parte dos homens, nem por intermédio de homem algum, mas sim por Jesus Cristo, e por Deus Pai, que o ressuscitou dentre os mortos),
O Obreiro Aprovado Segue Orientações de Deus
*Gl 1.15 Mas, quando aprouve a Deus, que desde o ventre de minha mãe me separou, e me chamou pela sua graça,
16 revelar seu Filho em mim, para que eu o pregasse entre os gentios, não consultei carne e sangue,
17 nem subi a Jerusalém para estar com os que já antes de mim eram apóstolos, mas parti para a Arábia, e voltei outra vez a Damasco.

O Obreiro Aprovado não se Cala Perante o “dono” da Igreja
*III Jo 9 Escrevi alguma coisa à igreja; mas Diótrefes, que gosta de ter entre eles a primazia, não nos recebe.
10 Pelo que, se eu aí for, trarei à memória as obras que ele faz, proferindo contra nós palavras maliciosas; e, não contente com isto, ele não somente deixa de receber os irmãos, mas aos que os querem receber ele proíbe de o fazerem e ainda os exclui da igreja.

O Obreiro Aprovado não Negocia o seu Ministério
*Gl 1. 8 Mas, ainda que nós mesmos ou um anjo do céu vos pregasse outro evangelho além do que já vos pregamos, seja anátema.
9 Como antes temos dito, assim agora novamente o digo: Se alguém vos pregar outro evangelho além do que já recebestes, seja anátema.
10 Pois busco eu agora o favor dos homens, ou o favor de Deus? ou procuro agradar aos homens? se estivesse ainda agradando aos homens, não seria servo de Cristo.
11 Mas faço-vos saber, irmãos, que o evangelho que por mim foi anunciado não é segundo os homens;
12 porque não o recebi de homem algum, nem me foi ensinado; mas o recebi por revelação de Jesus Cristo.

O Obreiro Aprovado não se Deixa Levar

*I Tm 5. 22 A ninguém imponhas precipitadamente as mãos, nem participes dos pecados alheios; conserva-te a ti mesmo puro.
O Obreiro Aprovado Reconhece a Graça de Deus
*I Tm 1. 12 Dou graças àquele que me fortaleceu, a Cristo Jesus nosso Senhor, porque me julgou fiel, pondo-me no seu ministério,
13 ainda que outrora eu era blasfemador, perseguidor, e injuriador; mas alcancei misericórdia, porque o fiz por ignorância, na incredulidade;
14 e a graça de nosso Senhor superabundou com a fé e o amor que há em Cristo Jesus.

O Obreiro Aprovado Acata o Mandado de Deus

*I Tm 1.1 Paulo, apóstolo de Cristo Jesus, segundo o mandado de Deus, nosso Salvador, e de Cristo Jesus, esperança nossa.
O Obreiro Aprovado é Escolhido por Deus
*At 9. 15 Disse-lhe, porém, o Senhor: Vai, porque este é para mim um vaso escolhido, para levar o meu nome perante os gentios, e os reis, e os filhos de Israel;
*Rm 1.1 Paulo, servo de Jesus Cristo, chamado para ser apóstolo, separado para o evangelho de Deus,
*Mc 3. 13 Depois subiu ao monte, e chamou a si os que ele mesmo queria; e vieram a ele.
14 Então designou doze para que estivessem com ele, e os mandasse a pregar.

O Obreiro Aprovado Busca a Capacidade de Deus
*II Co 3. 4 E é por Cristo que temos tal confiança em Deus;
5 não que sejamos capazes, por nós, de pensar alguma coisa, como de nós mesmos; mas a nossa capacidade vem de Deus,
6 o qual também nos capacitou para sermos ministros dum novo pacto, não da letra, mas do espírito; porque a letra mata, mas o espírito vivifica.

O Obreiro Aprovado é Ungido por Deus

*II Co 1. 21 Mas aquele que nos confirma convosco em Cristo, e nos ungiu, é Deus.

O Obreiro Aprovado é Obediente

*Rm 1. 5 pelo qual recebemos a graça e o apostolado, por amor do seu nome, para a obediência da fé entre todos os gentios,
6 entre os quais sois também vós chamados para serdes de Jesus Cristo.

(valtencir Alves, em Hermenêutica Bíblica)